Quais foram os seus erros até aqui?

Olá, amigo(a) concurseiro(a)!

Quando lemos as histórias dos aprovados, percebemos que quase todos eles cometeram algum erro durante a preparação (má escolha do material, método errado, falta de questões, etc.). É muito raro encontrar alguém que foi aprovado seguindo um caminho perfeito.

Decidi abrir esse tópico para compartilharmos os nossos erros. Seja você um aprovado ou não, poderia nos contar quais foram as falhas que você cometeu nos estudos para concurso?

Além de fomentar uma conversa legal entre nós, acredito que isso pode ajudar outras pessoas, principalmente os iniciantes. a não cometer os mesmos erros.

5 curtidas

Bem, eu não poderia ficar de fora.

Tenho apenas 10 meses de estudo, mas já foi o suficiente para que eu cometesse alguns vacilos.

O maior deles foi em relação ao material: estudei durante vários meses com materiais desatualizados. Mais especificamente, estudei direito constitucional, administrativo e tributário com livros de 2019 (lembrando que estamos em 2022).

O arrependimento hoje é enorme, mas… vida que segue. Agora já estou vacinado contra esse erro (rsrs), desde então só compro os materiais mais atualizados, não importa o preço.

3 curtidas

Comprar vários materiais, passar tardes e tardes baixando materiais, passar horas e horas fazendo resumos e resumos e depois não ler o resumo e nem o que baixou…

Não respeitar o próprio limite físico e psicológico acreditando que ‘‘ta passando da concorrência’’ e depois ficar mentalmente cansado e fisicamente doente…

Ficar fazendo comparações objetivas do tipo: é mais novo\a; passou estudando depois do edital; passou ainda na faculdade em vários concursos; etc etc

Postergar matéria que não gosto, mas que é essencial para a aprovação. Quem nunca?

7 curtidas

Maior erro meu, sem sobra de dúvidas, foi desistir no meio do caminho.
Com o início da pandemia, parei de estudar e voltei no meio de 2022.
Outro erro grande é não ter foco específico, sair fazendo qualquer concurso.
“Se você não sabe onde quer ir, qualquer caminho serve”. [Lewis Carroll]

7 curtidas
  • Estudar por livros em vez de PDFs
  • Não dar a devida atenção à constância
  • Não ter uma organização clara de quais disciplinas estudar, quando e como.
3 curtidas

Ficar com aquele pensamento de que sempre estou em um estágio insuficiente e, em razão disso, deixar de progredir nas matérias.

Em suma, a perfeição acabou por atrapalhar no processo.

4 curtidas

Oi Gente! Eu sou meio doida! Compro compro compro tudo qto há (mesmo com dinheirinho mto curto) e depois nao gosto ou nem tenho tempo de estudar tanta coisa… Mas o que me fez conseguir passar na oab foi identificaçao, obediencia e confiança numa professora especifica de uma plataforma especifica e seguido a risca tudo que ela mandou fazer. Imersao total de olho fechado mesmo! pq eu estava cansada de mim e resolvi só seguir… e funcionou! eu passei de primeira na 2a fase.

7 curtidas

Já passei e ainda passo… Sempre achando que ‘‘vai que mude essa vírgula do lugar aqui…’’’

#expertdanoia

3 curtidas

Pode me dizer qual foi essa professora?

2 curtidas

Arianna Linhares e o curso de 2a fase em Trabalho dela com a clt e o livro dela para acompanhar cada palavra. Fiz todos os exercícios e todas as peças a mão. Foram 45 dias exclusivamente dedicados a aprender tudo que ela ensina. E passei!!

2 curtidas

No meu caso, o principal erro foi, sem dúvidas, a falta de disciplina e a falta de consistência/rotina de estudos. A procrastinação falou mais alto em muitos momentos.

Remediei a situação fazendo uso de algumas tecnologias (em forma de aplicativos), como o aplicativo Cold Turkey para o computador e o aplicativo AppBlocker para o celular. O objetivo dos aplicativos é o mesmo: bloquear o acesso a sites e aplicativos selecionados por nós, de modo a mantermos o nosso foco.

Outro erro foi a falta de gestão do conhecimento.

Eu, praticamente, apenas lia o PDF e resolvia as questões, não guardava nada escrito. Não anotava aquilo que eu tinha dificuldade. Não anotava os bizus que eu encontrava na internet.

Achava o Word muito restrito/engessado e lento para anotar as coisas, portanto não o usava.

Estudar dessa forma é possível, consegui aprovação e nomeação para o concurso do TJ/MG e do CREA/MG estudando desse modo desorganizado.
Porém, para concursos maiores, como os ficos, onde existem dezenas de disciplinas a serem estudadas, eu acho impossível (pelo menos para mim).

Resolvi este segundo erro por meio do uso de aplicativo de anotação, que permite “salvar o conhecimento” de uma forma versátil e rápida. Existem muitos aplicativos no mercado, mas eu uso o OneNote que é gratuito e, no meu ponto de vista, excelente.

EDIT: Gostaria de deixar uma dica, relacionado ao meu primeiro erro, para todos que estudam: Nunca se esqueçam que concurso é uma maratona e não uma corrida curta de 100 metros. Então, mesmo em caso de reprovação, continuem estudando. O conhecimento adquirido até a data da prova é cumulativo e, se você continuar estudando, estará mais próximo da vaga no próximo concurso que tenha disciplinas semelhantes. Consistência é a chave. Não sou nenhum especialista, mas afirmo isso com base em vários depoimentos de aprovados que eu li ao longo dos últimos meses.

5 curtidas
  • muita preparação e pouco tempo de estudo: fazia planilhas de estudos, organizava os assuntos do edital, baixava os trilhões de materiais na internet, assistia 20k videos sobre preparação para concursos.
  • não estipulava meta para sessão de estudos: tenho duas filhas (1 e 11) então tenho muitas distrações durante o dia, barulho e eu simplesmente preferia esperar o melhor momento cair no meu colo do que tentar fazer alguma coisa.
  • relacionado com o anterior, eu esperava a motivação chegar para estudar.
  • estudar com materiais desatualizados.

ATUALIZAÇÃO: - esqueci também de dizer, meu erro referente a motivação foi estudar SEM PARAR até cair, dai nos dias seguintes não conseguia fisicamente estudar.

5 curtidas

Também já gastei muito tempo valioso com o planejamento do estudo. Gosto muito de uma planilha, confesso.
Hoje em dia penso diferente. Creio que o melhor planejamento é aquele que é simples e fácil de seguir. Vale mais a pena focar naquilo que é essencial: abrir o material e estudar.

Obs: parabéns por ainda persistir, moça, pois imagino o quão pesado deve ser estudar tendo duas filhas para criar.

2 curtidas

Outro erro é pensar que concurso é ‘‘só conhecimento’’. Acho que não é erro, mas ingenuidade… E ai você só foca em ler e ler feito o louco do c* e esquece que não é só conhecimento…

Concurso não é ‘‘só conhecimento’’

É estar psicologicamente bem

É estar fisicamente/organicamente bem

É não passar por nenhum infortúnio pré prova ou no dia da prova

É saber que mesmo que você saiba muito, você nunca vai saber tudo, e está tudo bem, você precisa encontrar a sua prova, apenas, caso não passe.

É entender que você é humano e você pode ficar cansado/a e errar babaquice nao por falta de conhecimento, mas por cansaço mesmo

É entender que quem passa nem sempre é o mais inteligente, mas o que mais conseguiu se adaptar as adversidades

É saber se perdoar pela reprovação e continuar, em especial quando você erra questões bobas que te deixa de fora da aprovação por ter acontecido um dos ‘‘detalhes’’ anteriores…

8 curtidas

Buenas,
Cometi inúmeros erros também, o maior foi o excesso de materiais, demorei muito até achar uma metodologia que funcionasse pra mim (Questões e resumos).

3 curtidas